REGULAMENTO PRÉMIO SONAE MEDIA ART

1.1. O prémio destina-se a artistas de nacionalidade portuguesa ou a estrangeiros residentes em Portugal, com a idade máxima de 40 anos, inclusive.

1.2. Não podem ser objeto de seleção os vencedores de edições anteriores.

2.1. O PRÉMIO SONAE MEDIA ART tem a periodicidade bienal.

3.1. Existirão um júri de seleção (nacional e/ou internacional) do qual constará obrigatoriamente um representante do MNAC-MC e um júri de premiação (nacional e internacional) cuja composição será divulgada aquando da apresentação pública de cada edição bienal do prémio.

3.2. As decisões dos júris de seleção e premiação são soberanas e solidárias, não sendo admitido recurso.

3.3. Das reuniões de júri serão lavradas atas, que ficarão em arquivo no MNAC-MC.

A não apresentação de todos os requisitos exigidos pelo Regulamento implica a exclusão automática do processo de candidatura.

4.1. A seleção dos artistas finalistas é efetuada com base na avaliação obrigatória de, no mínimo, 2 (duas) obras e, no máximo 4 obras, a enviar para o MNAC-MC, em suporte DVD, em pen USB, em ficheiro MP4, ou no caso de projetos online através dos respetivos links. As obras podem ser inéditas, ou não, mas devem ter, obrigatoriamente, uma data de produção inferior a 5 (cinco) anos.

São admitidas candidaturas coletivas desde que todos os seus elementos sejam identificados e cumpram os requisitos do Regulamento.

Não é permitida uma candidatura coletiva e uma individual de qualquer membro do coletivo em simultâneo.

4.2. O envio das obras para seleção poderá ser efetuado para a seguinte morada, com a indicação:

PRÉMIO SONAE MEDIA ART

Museu Nacional de Arte Contemporânea Museu do Chiado

Rua Serpa Pinto, 4

1200-444 Lisboa

ou ser efetuado o upload para o site: http://sonae-mediart.com/

4.3. Os concorrentes devem também enviar obrigatoriamente o seu curriculum vitae, e fotocópia ou digitalização do bilhete de identidade/cartão de cidadão completo [frente e verso]. Os concorrentes estrangeiros residentes em Portugal devem enviar obrigatoriamente comprovativo da sua situação.

4.4. As propostas a concurso terão obrigatoriamente de ser enviadas nas datas definidas na apresentação pública de cada edição do prémio.

4.5. A seleção dos artistas finalistas é efetuada através de um júri nacional e/ou internacional que nomeará 5 (cinco) artistas, convidados a produzir e a expor um trabalho inédito no MNAC-MC. O júri de seleção será constituído por 2 (duas) personalidades nacionais e/ou internacionais de reconhecido mérito no panorama da crítica, curadoria e ensaísmo da arte contemporânea e 1 (um) representante da equipa de curadores do MNAC-MC.

4.6. O júri de seleção reserva-se o direito de solicitar informações complementares aos artistas sobre as obras apresentadas a seleção.

4.7. A cada um dos finalistas é concedido um subsídio para produção de uma obra inédita, no valor pecuniário de 5.000,00 euros (valor sujeito aos impostos em vigor).

4.8. Os artistas selecionados têm de cumprir os prazos definidos pelo MNAC-MC para a entrega das obras inéditas para a seleção final, sob pena de serem excluídos do concurso e de efetuarem a devolução do subsídio de produção.

4.9. Todas as obras enviadas e não selecionadas deverão ser levantadas pelos respetivos autores no MNAC-MC, mediante documento comprovativo de devolução.

5.1. A premiação é realizada, com base na análise das obras inéditas expostas pelos artistas finalistas no MNAC-MC, por um júri constituído por 3 (três) personalidades nacionais e internacionais de reconhecido mérito no panorama da crítica, curadoria e ensaísmo da arte contemporânea.

5.2. O PRÉMIO SONAE MEDIA ART tem o valor pecuniário de 40.000,00 euros (valor sujeito aos impostos em vigor).

5.3. Não é permitida a atribuição do prémio ex-aequo.

6.1. A exposição dos artistas finalistas é realizada no MNAC-MC, sendo a sua coordenação e produção executiva da responsabilidade do museu, em articulação com os respetivos artistas.

6.2. As obras finalistas não poderão ser apresentadas publicamente nem comercializadas até à divulgação do vencedor e ao encerramento da exposição no MNAC-MC.

6.3 A obra e o artista vencedor serão divulgados publicamente durante a exposição no MNAC-MC.

6.4. O MNAC-MC cederá todos os equipamentos necessários à apresentação das obras finalistas, assim como à sua manutenção técnica.

6.5. O MNAC-MC assegura os custos referentes a alojamento, alimentação e deslocações de artistas não residentes na área metropolitana de Lisboa, durante o período de montagem e desmontagem da exposição.

6.6. O MNAC-MC produz um jornal bilingue da exposição dos finalistas, bem como um website e toda a divulgação da mesma.

6.7. Os artistas finalistas comprometem-se a apresentar as suas obras inéditas no MNAC-MC, segundo os prazos definidos pelo Museu, bem como a aceitar a hipótese de itinerância da respetiva exposição que os seus promotores entendam promover.

6.8. Uma edição da obra premiada será doada pelo artista vencedor para a coleção do MNAC-MC.

6.9. O MNAC-MC tem direito de preferência na aquisição de qualquer outra das obras finalistas.

6.10. As obras finalistas não premiadas serão devolvidas aos seus autores, após o encerramento da exposição no MNAC-MC, ou das suas itinerâncias, mediante documento comprovativo de devolução.

7.1. Os artistas finalistas cedem os direitos de reprodução de imagens das obras a concurso, tanto para o jornal, website como para todos os meios necessários à divulgação do prémio, nomeadamente através de formatos para publicidade.

7.2. Qualquer outra utilização será objeto de acordo entre o MNAC-MC, a SONAE e os artistas.

Este regulamento pode ser revisto pela organização do PRÉMIO SONAE MEDIA ART.